Lália de Aniam

Apresentamos em mais detalhes uma personagem muito importante do Crônicas de Luthera, a querida forjadora e curandeira Lália, que é mãe do protagonista Gellian.

Lália é uma proeminente moldadora de armas mágicas, em Aniam, a capital do país de Remínia e conta já 129 anos de idade (pouco mais de meia-idade para a longeva raça dos forjadores). Dona de grande poder curativo, seu abençoado toque é procurado pelos habitantes das redondezas de Aniam que são acometidos de algum ferimento ou moléstia, e ela atende a todos com dedicação e caridade, sendo por isso altamente considerada por todos os reminianos.

Um poderoso feiticeiro trouxe-lhe Gellian, ainda bebê, para que ela o criasse e o protegesse do necromante Amókito. O que ela fez com extremo amor e dedicação, já que isso também a ajudou a amenizar o fato de, à época, ter sido abandonada sem explicação por seu marido Régidon, considerado o mais habilidoso forjador ainda vivo.

Somente a bondade e o poder de cura de Lália foi capaz de manter a energia negra que Gellian herdou sob controle, até o momento dele iniciar sua jornada, que poderá levá-lo a um fatídico confronto com Amókito.


#books #literaturanacional #rpg #fantasia #aventura #livros #ilustracao #guerreiro #livro #gellian #cronicasdeluthera #digitalart #euleiobrasil #euleionacional #euamoleitura #frasesdelivros #amolivros #trechosemlivros #livrosecafe #livrosecitacoes #livrosnacionais #livroseleitores #livrosdefantasia #literaturabrasileira #leiaautoresnacionais

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Emosi de Reliot

Emosi de Reliot, embora seja filho de reminianos, nasceu no acampamento pélida de Reliot, no país de Hypéria, que é continuamente atacado por monstros. Criado num dos ambientes mais perigosos de Luth